Arquivo da categoria: Haiti

Melhoria das condições de vida em acampamentos

Além de cuidar da promoção da higiene, a CARE fornece itens de higiene básica para os haitianos ainda vivendo em acampamentos. Em Aujecad, por exemplo, a CARE construiu 14 latrinas, oito para mulheres e seis para homens. A separação mantém a privacidade.

A CARE também construiu ali dois chuveiros, que são basicamente armações de madeira cobertas com lonas de plástico. As pessoas podem entrar com um balde de água e limpar-se. Parece pouco mas, nessas condições de superpopulação dos acampamentos, a construção de locais privados para tomar banho é uma significativa melhoria nas condições de vida.

A CARE e a comissão de saúde do acampamento designaram ainda uma pessoa que mantém tudo arrumado e garante que haja sabão nas estações de lavagem de mãos. Estes auxiliares ganham cerca de cinco dólares por dia. A CARE também oferece vassouras, máscaras, luvas e detergente para manter a limpeza dos banheiros.

Deixe um comentário

Arquivado em Haiti

Educadores, pais e crianças mobilizados pela promoção da higiene

Crianças têm participado em atividades de promoção de higiene promovidas pela CARE no Haiti, que divulga informações às comunidades haitianas para se protegerem de doenças e enfermidades. Isso é feito com visitas em domicílio, mensagens de rádio e oficinas.

A CARE treina os educadores para falar sobre higiene corporal adequada, como evitar doenças como malária e diarréia e como coletar, transportar e armazenar água com segurança.

Para certificar-se de que estas mensagens cheguem a todos, a CARE apoia a formação de clubes de mães e filhos. Nos clubes, a população discute questões de higiene e segurança e ensinam uns aos outros o que aprenderam. Equipes da CARE também organizam sessões públicas de vídeos que ilustram o comportamento de higiene adequada.

Deixe um comentário

Arquivado em Haiti

Vozes do Haiti: Gellia Voltaire

Gellia Voltaire, de 63 anos, senta-se em um colchão em seu abrigo recém-construído em Astek. Vestindo um casaco de médico que ela comprou em um mercado local, ela parece quase sumir na roupa. “Eu costumava ser bem gordinha”, diz ela, com um sorriso. “Mas desde o terremoto, eu só fiquei mais magra e mais magra. A vida era muito dura, mas agora eu tenho uma casa e estou ganhando peso novamente”. Ela ri e esfrega a barriga.

A CARE prioriza os mais vulneráveis na ajuda emergencial: viúvas, doentes crônicos e famílias chefiadas por mulheres. Quando Gellia foi selecionada para receber um abrigo transitório, ela precisava organizar cinco voluntários para ajudá-la. A CARE fornece os materiais e dois carpinteiros treinados para dar suporte à construção. “Os carpinteiros não pediram nada, eles só vieram e me ajudaram.” Gellia ainda parece surpresa pelo serviço gratuito. Ela insiste: “Eles nem sequer pediram um copo de água!”

Deixe um comentário

Arquivado em Haiti

Vozes do Haiti: Rose-Carmelle

(Mildrède Béliard/CARE)

Rose-Carmelle tem apenas 18 anos, mas desde o terremoto ela é a chefe de sua família, com duas irmãs mais novas. Seu tio levou-as para viver em seu abrigo transitório, se esforçando para prover comida a elas. Mas estudar está definitivamente fora de alcance: não há dinheiro suficiente para taxas.

“Eu preciso de apenas mais um ano para terminar a escola. Mas as minhas irmãs estão apenas começando. Elas têm de continuar a sua educação, não importa quão alto seja o custo. Se eu não tivesse aprendido a ler, não teriam me escolhido como líder da equipe para este projeto. E agora vou ganhar um pouco mais do que os outros”, diz Rose-Carmelle, uma das pessoas beneficiadas pelo programa de Pagamento por Serviços. O programa ofereceu a 5.000 pessoas em 39 acampamentos de Carrefour um emprego temporário para a remoção de resíduos do terremoto.

Deixe um comentário

Arquivado em Haiti

Haiti, um ano depois

(Sabine Wilke/CARE)

Um ano depois do terremoto que custou mais de 220 mil vidas, o povo haitiano ainda passa por grandes necessidades. Mas uma delas, frequentemente negligenciada, é hoje fundamental: uma participação significativa na reconstrução do seu país. A CARE trabalha em plano de reconstrução ouvindo as vozes, principalmente, de mulheres e jovens do Haiti.

Aproveitando o marco, publicamos em nosso site um balanço de nossas ações. Aqui, pelo blog, você acompanha nesta semana algumas histórias de pessoas que foram beneficiadas pelo trabalho da CARE, que só foi possível graças à doação de pessoas e empresas, que acreditam e apoiam nosso trabalho.

Leia no site:

Haiti um ano após o terremoto

Estatísticas da CARE em ajuda humanitária e reconstrução do Haiti

Deixe um comentário

Arquivado em Haiti